Sistema de Avaliação
19 de abril de 2018

O sistema de avaliação adotado pela Escola Monteiro Lobato se baseia num novo pensar e fazer educação e suas práticas avaliativas, bem como na Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional, Lei 9394/96 que garante: “Na avaliação da aprendizagem do aluno devem prevalecer os aspectos qualitativos”.

 

Nesse contexto a avaliação ultrapassa os limites quantitativos e, portanto, está pautada nas seguintes bases:

  • Diagnóstica – Procurando identificar o que os alunos conhecem;
  • Processual contínuo – Ensinando e aprendendo com o sucesso cotidiano;
  • Cumulativo – Considerando cada aspecto da produção do conhecimento;
  • Participativa / Emancipatória – Professores e alunos sujeitos do processo ensino aprendizagem.

Desta forma, a avaliação compreendida como uma prática de investigação processual, contínua, cumulativa, sistemática e compartilhada em cada etapa educativa, com diagnóstico das dificuldades e retroalimentação, que se destina a verificar a aprendizagem e apontar caminhos para o processo educativo, será operacionalizada da seguinte forma:

  • Verificação do rendimento escolar compreende a avaliação do aproveitamento e apuração da assiduidade;
  • A avaliação do processo ensino-aprendizagem ocorrerá mediante procedimentos internos desta Unidade Escolar, abrangendo os avanços e limites inerentes à aprendizagem, reorientando a ação pedagógica e assegurando que os objetivos sejam alcançados;
  • A avaliação do processo ensino-aprendizagem deve possibilitar a auto-avaliação do professor e do aluno, os registros de seus progressos e dificuldades, o replanejamento do trabalho pedagógico e a recuperação da aprendizagem;
  • O rendimento escolar será avaliado de forma diversificada, de acordo com as peculiaridades de cada processo educativo, com preponderância dos aspectos qualitativos sobre os quantitativos e expresso em notas de zero a dez (0 a 10);
  • A avaliação do aproveitamento será feita através de trabalhos individuais ou em grupos, provas objetivas, dissertações, testes, observação do desempenho do aluno, assim com outros instrumentos pedagogicamente aconselháveis;
  • Durante o ano letivo o aluno obterá 04 (quatro) médias das avaliações do aproveitamento escolar, correspondendo a quatro períodos ou bimestres, sendo duas médias em cada semestre, por disciplina;
  • A avaliação será expressa através de Verificações de Aprendizagem, estabelecidas em (2) duas etapas, em cada bimestre ou período de ensino, da seguinte forma:
  1. Verificação de Aprendizagem 1 (VA1), contendo atividades individuais e em grupos, como: avaliações escritas, tarefas de casa, dramatizações, exercícios orais ou escritos, pesquisas bibliográficas, demonstrações práticas, seminários, pesquisas de campo, elaboração e execução de projetos, produções científicas, artísticas ou culturais e toda e qualquer forma que avalie o desempenho do aluno, conforme o critério escolhido pelos professores em consonância com a Coordenação Pedagógica. O desenvolvimento das atividades da VA1 é mensurado com o valor de 10 (dez) pontos, devendo ser subdividida em no mínimo 2 etapas, de acordo com o planejamento do professor. Cada uma destas etapas denomina-se Verificação de Aprendizagem Parcial (VAP) e ocorre durante a Unidade de acordo com cada conteúdo.
  1. Verificação de Aprendizagem 2 (VA2) que ocorre no final de cada bimestre. O aluno é submetido a uma avaliação escrita individual, que tem o valor de dez (10) pontos, na qual constam assuntos do bimestre que representam pré-requisito para estudos posteriores, a serem verificados, com o objetivo de analisar o nível de aprendizagem do educando.
  1. A média aritmética simples da VA1 e da VA2 constituirá a média do bimestre.
  • Ao final de cada bimestre ocorrerá a recuperação por disciplina, para todos os alunos com média da unidade inferior a 7,0 (sete). A mesma será facultativa, podendo o aluno permanecer com a média adquirida no bimestre. A carga horária dos Estudos de Recuperação corresponderá à carga horária semanal de cada disciplina e mais duas aulas para a aplicação da avaliação.
  • A recuperação do bimestre denomina-se Verificação de Aprendizagem (VAR) e acontecerá da seguinte forma:
  1. Os Estudos de Recuperação compreendem todas as atividades realizadas com o objetivo de recompor competências e habilidades que não tenham sido desenvolvidas satisfatoriamente no processo ensino-aprendizagem, no decorrer do bimestre. As aulas serão ministradas por disciplina, de acordo com o Calendário Escolar. Cada aluno receberá a relação dos principais conteúdos e listas de exercícios. O professor age como um mediador e procura sanar todas as dúvidas que possam surgir;
  1. O professor passará um trabalho com valor de 1,0 (um) ponto, a ser entregue no dia da Verificação de Aprendizagem de Recuperação, impreterivelmente;
  1. A Verificação de Aprendizagem de Recuperação (VAR) consta de uma avaliação individual escrita, contendo os conteúdos selecionados pelo professor e valerá 9,0 (nove) pontos;
  1. A nota da Recuperação será o somatório da nota do trabalho e da VAR e substituirá a média obtida no bimestre;
  1. Após os Estudos de Recuperação, o aluno que não obtiver média 7,0 (sete), será submetido à apreciação do Conselho de Classe que, através de critérios pré-estabelecidos de Avaliação Qualitativa, definirá se o aluno apresenta desempenho cognitivo satisfatório;
  1. No IV bimestre, o aluno que não obtiver nota 7,0 (sete), mas alcançar o mínimo de 28 (vinte e oito) pontos, ou seja, Média Anual maior ou igual a 7,0 (sete) não terá necessidade de participar da recuperação do bimestre. A Média Anual será a média aritmética simples dos quatro bimestres letivos;
  1. Para ser considerado apto à série seguinte àquela que estiver cursando, o aluno deverá obter Média Anual igual ou superior a 7,0 (sete) em todas as disciplinas e ter o mínimo de 75% (setenta e cinco por cento) de freqüência, do total de horas letivas.
  • O aluno que não alcançar Média Anual igual a 7,0 (sete), submeter-se-á a uma Verificação de Aprendizagem Final (VAF), que acontecerá da seguinte forma:
  1. Serão ministradas aulas visando eliminar as deficiências de aprendizagem de acordo com os conteúdos mais relevantes desenvolvidos durante o ano letivo em consonância com o planejamento anual;
  1. Aplicação da Verificação de Aprendizagem Final (VAF), que deve ser escrita e conter os conteúdos previamente recomendados pelo professor da disciplina, que deverá elaborar e aplicar esse instrumento de avaliação;
  1. O aluno submetido à VAF será considerado aprovado se obtiver nota igual ou superior a 7,0 (sete), que passará a constituir a sua Média Final. Entende-se por Média Final a Média Anual quando igual ou superior a 7,0 (sete) ou a nota da VAF para os alunos a ela submetidos;
  1. A solicitação de revisão das VAF’s e/ou VAR’s deverá ser feita na Secretaria da Escola, até 48 (quarenta e oito) horas úteis, após a divulgação dos resultados.
  • A avaliação do rendimento escolar em Educação Física segue as mesmas normas estabelecidas para as demais disciplinas;
  • Ao aluno que não comparecer às avaliações bimestrais, ser-lhe-á assegurado o direito à segunda chamada desde que apresente justificativa, no prazo de 48 horas;
  • São motivos para a ausência às avaliações, aqueles consagrados em lei, a saber:
  • Defesa da saúde;
  • Óbito de familiares;
  • Obrigações militares;
  • Participação em atividades desportivas de relevo ao desporto nacional;
  • Obrigações jurídicas e eleitorais.
  • Outros motivos a critério da Direção.
  • Para a realização da Segunda Chamada devem ser observadas as seguintes orientações:
  1. O responsável legal pelo aluno deverá encaminhar à Secretaria da Escola atestado médico ou outro documento que comprove a causa da ausência, no prazo de 48 horas;
  1. Pagamento da taxa de 10% (dez por cento) do valor da mensalidade vigente, por disciplina;
  • O aluno fará a Segunda Chamada se:

Apresentar-se no horário pré-estabelecido;
Portar o material necessário para a realização da avaliação;
Estiver devidamente uniformizado.

  • A ausência na data prevista para a aplicação da Segunda Chamada implicará na perda da oportunidade e ser-lhe-á atribuída nota zero;
  • Não haverá Segunda Chamada para as Verificações de Aprendizagem de Recuperação (VAR) e Final (VAF).

 

 

 

AGENDA
III BIMESTRE – Unidade Barreiras

Sábados letivos: 1 dia letivo – 15/9/2018; acréscimo 4/8/2018 e 18/8/2018. 16 a 20/7/2018 – Recuperação Paralela – II Bimestre […]

I BIMESTRE – Unidade Luís Eduardo Magalhães

6 a 14/4 – VA2 (Verificação de Aprendizagem Parcial 2) Entrega dos resultados aos pais: Bimestral: 19/4/2018. Da Recuperação Paralela: […]